25 de março de 2013

Pin-up's and stuff


Allô a todos!
Hoje trago-vos um documentário que incide sobre um tema que é frequentemente abordado nos dias de hoje, as subculturas. Neste caso a sub-cultura abordada é a das modern pin-up's.
Aqui fica o comentário, produzido por João Nogueira:



O modelo de pin-up apareceu no século XX, como um cânone de beleza para as mulheres, sendo o seu auge as décadas de 40 e 50.
O termo de pin-up surge na altura da segunda guerra mundial, dado que para servir um pouco de ''suporte moral e psicológico'' aos tempos que se viviam, os soldados penduravam imagens de mulheres (actrizes, sex symbols, divas do cinema, entre outras) nos seus cacifos e o termo surge daí, do acto de ''pin-up''.
Hoje em dia, as pin-up's que predominam são as ''neo'' pin-up's, ou seja as modern pin-up's. Mas pode-se dizer que as pin-up's estão divididas em três grandes grupos:

Cheesecake Pin-up's:

usualmente este tipo de pin-up's costuma estar associado às ilustrações feitas na altura da segunda guerra mundial, em que aparecem com um ar sorridente, vestidas com trajes militares, da marinha, força aérea e cuja identificação é mais fácil de fazer.

                                     




Femme Fatale Pin-Up:

este tipo de pin-up é mais ''adulta'', retrata uma mulher mais atractiva, mais sedutora, um tanto ou quanto mais ''sexual''.





e por fim, mas não menos importantes... as ''Neo'' pin-up's ou modern pin-up's:

estas pin-up's utilizam elementos característicos do estilo, quer seja a roupa, os penteados, a maquilhagem, mas combinam-o com elementos mais actuais, como sejam tatuagens, piercings, alargadores, cores de cabelo diferentes, entre outros.




considerada por muitos uma pin-up também, mas com uma ligação mais forte ao burlesco que outra coisa, temos a actriz Dita Von Teese, que apesar da idade que tem, continua linda e a dar aso a diversas opiniões sobre o seu estilo.

Sem comentários:

Enviar um comentário